JORGE CONSORCIO

Naturatins intensifica fiscalização e combate à pesca ilegal no Parque Estadual do Cantão

Equipes do órgão ambiental de Palmas e Caseara realizaram patrulhamentos terrestres e aqu√°ticos na Unidade de Conservação

Por Lidiane Moreira em 23/05/2024 às 22:48:09
Foto: Divulgação/Naturatins

Foto: Divulgação/Naturatins

Nesta quinta-feira, 23, o Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins), por meio das equipes do Parque Estadual do Cantão (PEC) e da Ger√™ncia de Fiscalização Ambiental, concluiu operação de fiscalização que resultou em dois autos de infração contra pescadores que praticavam pesca ilegal na região próxima e dentro da Unidade de Conservação (UC). A ação foi desencadeada após denúncias recebidas dos Assentamentos Onalício Barros, Manchete e Porto da Colônia de Pescadores.

A operação, que teve início no domingo, 19, foi realizada por meio de patrulhamentos terrestres e aqu√°ticos, no interior e entorno do PEC, localizado na região Centro-Oeste do Tocantins. Foram alvo das atividades de fiscalização pontos estratégicos dos rios Araguaia, do Coco, Lago do Casé e em assentamentos do entorno.

Durante a ação, dois pescadores foram autuados. Um deles transportava 12 kg de pescado, enquanto o outro, 34 kg. A multa aplicada foi de R$ 2.920,00 e os peixes apreendidos foram doados a duas igrejas da comunidade local.

RCK EXPRESS

De acordo com Valmir Assunção da Silva, guarda-parque do Naturatins, a fiscalização é fundamental para preservar a biodiversidade do Parque Estadual do Cantão, um dos mais importantes ecossistemas do Tocantins. "As ações de combate à pesca ilegal visam não só proteger as espécies aqu√°ticas, mas também garantir a sustentabilidade dos recursos naturais", afirmou.

Para o supervisor do Parque, Adailton Glória, a operação reforça o compromisso do Instituto em manter a integridade ambiental da região, com atendimento imediato às denúncias e atuação eficiente para coibir pr√°ticas ilegais que ameaçam a preservação da fauna e flora.

Comunicar erro

Coment√°rios

BANNER 05