Exemplo - Margens, Bordas e Box Model

Polícia Civil do Tocantins participa de ação nacional de combate à violência contra idosos

Operação Vetus II faz parte de mobilização nacional coordenada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública

Por Rogério de Oliveira em 16/10/2021 às 07:13:58

A Polícia Civil do Estado do Tocantins (PC-TO) iniciou, nesta sexta-feira (15), as ações da operação Vetus II, a qual tem por objetivo intensificar o combate à violência contra idosos. A ação faz parte de uma mobilização nacional coordenada e articulada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP), por meio da Secretaria de Operações Integradas (Seopi).

Responsável por coordenar as ações da Operação Vetus no Tocantins, a Delegada, Daise Rodrigues Teixeira explica que durante a operação, os profissionais de segurança pública apurarão denúncias recebidas por meio do número disque 100, do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH), e de canais locais.

O trabalho também prevê a instauração e conclusão de inquéritos, visitas a abrigos e residências de vítimas e cumprimento de mandados e medidas protetivas. "No decorrer das ações da Operação Vetus, que teve início na data de hoje, equipes de policiais civis foram montadas e atuarão em Palmas e também no interior do Estado, com o objetivo de reforçar as ações de enfrentamento aos crimes praticados contra o idoso, priorizando inquéritos e investigações que estejam em curso, ou mesmo instaurando novos procedimentos investigativos que se fizerem necessários", ressalta a autoridade policial.

A Delegada Daise lembra que a violência praticada contra o idoso pode ter pena de dois meses a um ano de reclusão, além de multa. "A Polícia Civil do Tocantins está participando desse esforço nacional com o objetivo de diminuir as várias práticas de violência cometidas contra os idosos, sendo que muitas vezes, a violência é praticada no seio familiar por parentes próximos. Desse modo é essencial que todo ato praticado contra o idoso, seja violência física, psicológica ou patrimonial, seja denunciado por meio do Disque 100, que é canal direto e gratuito disponibilizado pelo Ministério da Mulher, da Família e Direitos Humanos, na Delegacia de Polícia mais próxima e, ainda, na Delegacia Virtual", explica a autoridade policial.

No Tocantins, as denúncias podem ser feitas, por meio do telefone 197, da Polícia Civil, ou então diretamente em qualquer unidade da PC-TO, mais próxima. Qualquer pessoa pode acionar os serviços.

Comunicar erro
JORGE CONSORCIO

Comentários

KNEKOU